Off Topic: Rita Pavone era punk?

4 de ago de 2010 Postado por Fernando
Você gostaria de indicar uma próxima toonada?
Comente aqui ou escreva para:: fer.souza.mail@gmail.com

Nasceu na Itália e começou sua carreira em 1962 ao ganhar um festival de calouros com apenas 17 anos de idade. No ano seguinte ela se tornou estrela internacional recebendo um disco de ouro logo no primeiro álbum. Em 1964 (ano em que gravou seu grande hit "Datemi un martello") sua fama chega aos EUA onde passa algum tempo fazendo shows em parceria com outros artistas como Diana Ross, Barbra Streisand e Elvis Presley... esses menorzinhos. Além de uma milionária carreira musical com vários singles no topo das paradas, Rita também atuou em filmes e em peças de teatro. Em suas andanças pelo mundo, Rita veio parar aqui no Brasil onde conheceu Netinho (batera dos Incríveis) com quem namorou por pouco tempo. Esse é mais ou menos o começo da sua longa história artística, mas não é esse ti-ti-ti o ponto desse post. É esse vídeo:



Foi a pouco tempo que eu conheci o trabalho da Rita Pavone. Garimpando material on-line eu encontrei o vídeo acima, e quando terminei de assistí-lo, a primeira coisa que pensei foi: "Como ela é puuuuunk!" Por que?

Repare no visual anti-social, o movimento das pernas e a atitude performática rebelde com martelo. E mais, a letra da música não poderia
ser mais anárquica. Ela fala sobre quebrar telefones e estourar os miolos de patricinhas, casais abraçadinhos e "A chi non è dei nostri" quem não é dos nossos. Super punk!!! Mais provas? Compare
esse vídeo amador de pogo (dança de roda punk) com a dança da Rita nesse clipe "Viva la pappa col pomodoro". Ela só faltou dar um mosh.

Algumas pessoas dizem que o movimento punk começou em 1977 na Inglaterra com o Sex Pistols e nos EUA com os Ramones. Outros historiadores reconhecem que já em 67 os Stooges do Iggy Pop foram os precursores do movimento. Eu porém, vendo esses vídeos da Rita, arrisco dizer que em 1962 "Rita was a punkrocker". =)


Curiosidade:
A "música do martelo" foi regravada por uma cantora brasileira da Jovem Guarda chamada Sueli. A letra porém, foi totalmente desvirtuada transformando a sangrenta arma de combate em uma fetiche místico de dominação. Confira aqui.

0 Response to "Off Topic: Rita Pavone era punk?"

Postar um comentário

BlogBlogs.Com.Br